12 novembro, 2012

Paulo Mendes da Rocha




Paulo Mendes da Rocha nasceu em Vitória – ES, no ano de 1928 e em 1954, formou-se no curso de Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Mackenzie em São Paulo. A partir de 1959 passou a lecionar na faculdade de arquitetura e urbanismo de são Paulo e em 1998 tornou-se professor titular.
Ele é referência internacional da arquitetura contemporânea brasileira, tendo várias obras vencedoras em concursos públicos e muitas outras indicações a concursos e prêmios, além de ter participado de diversas conferências nacionais e internacionais.
É autor do projeto do Pavilhão Oficial do Brasil na Expo 70, em Osaka, no Japão; esteve entre os finalistas premiados no concurso para o anteprojeto do Centro Cultural Georges Pompidou, em Paris (1971) e seus prêmios de maior destaque são o Prêmio Mies van der Rohe de arquitetura latino-americana pelo projeto de reforma da Pinacoteca do Estado de São Paulo (2001) e o Prêmio Pritzker (em 2006), sendo este considerado o Prêmio Nobel da Arquitetura, atribuído ao arquiteto ainda em vida que melhor cumpra os princípios enunciados por vitrúvio: Solidez, Beleza e Funcionalidade. Dentre os ganhadores do Pritzker encontram-se nomes como Luiz Barragan, Frank Gehry, Aldo Rossi, Tadao Ando, Robert Venturi, Alvaro Siza, Oscar Niemeyer, Zaha Hadid, Rem Koolhaas e muitos outros. 



Pinacoteca do Estado de São Paulo


Pavilhão Oficial do Brasil na Expo 70, Osaka, Japão

Sua obra é marcada por um intenso espírito modernista e por uma grande responsabilidade com a sociedade.
Recentemente sua obra foi abordada no programa “A casa brasileira” no canal gnt. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário